​O Maracatu Calunga de Ouro do Espaço Maria Helena Marinho - Movimento Pró-Criança se apresenta em evento internacional em parceria com a AIESEC

No domingo, dia 14 de fevereiro, o Maracatu Calunga de Ouro se apresentou no shopping Paço Alfândega no evento Global Village, promovido pela AIESEC.

 

 

A proposta era que fosse possível, no recém inaugurado espaço de eventos, levar aos frequentadores do shopping um pouco da cultura de outros países em uma só tarde, promovendo assim, interação e diálogo internacional. Para abrilhantar este momento, o Maracatu do Movimento Pró-Criança foi convidado a se apresentar, dando um show de ritmo, dança e alegria, convidando todos que passavam pelo espaço e praça de alimentação a participarem desta verdadeira feira multicultural.



Fundada após a segunda Guerra Mundial, em 1948, por estudantes europeus, a AIESEC tinha como intenção promover o intercâmbio de técnicas administrativas e de recursos humanos. Hoje, reconhecida pela ONU e presente em 126 países, seu propósito visa a paz e o pleno preenchimento das potencialidades humanas através do intercâmbio de estudantes universitários e jovens profissionais para instituições do segundo e terceiro setor.



Presente há 12 anos na cidade do Recife, a AIESEC vem firmando e ampliando parcerias com Organizações Não Governamentais, no intuito de promover seu programa Cidadão Global cujo foco é o intercâmbio voluntário como forma de desenvolver aspectos fundamentais para formação de líderes conscientes e agentes transformadores. O Movimento Pró-Criança, em parceria com a instituição, recebeu 35 intercambistas no ano de 2015 nas áreas de marketing e arte educação, trabalhando aspectos da diversidade cultural, sustentabilidade, autonomia e cidadania dos beneficiários.



O Global Village reuniu 28 intercambistas do México, Colômbia, Bolívia, Argentina, Paraguai, Peru, Alemanha e Estados Unidos e estiveram presentes cerca de 150 pessoas circulando pelos estandes. Além do Maracatu, foram apresentadas danças tradicionais, degustação de comidas típicas, e palestras sobre aspectos históricos, culturais e políticos de cada região.